Mesa Redonda online | QUE MEDIDAS PODEM PROMOVER A MUDANÇA DE COMPORTAMENTOS PARA UMA MELHOR EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DOS CONSUMIDORES?

Os edifícios são dos maiores “consumidores” de energia na UE, responsáveis por 40% do consumo de energia e por 36% das emissões de CO2. Aproximadamente 80% do consumo doméstico de energia é para aquecimento do ambiente e aquecimento de águas, sendo que 75% da energia para climatização é proveniente de origem fóssil.

O consumo residencial de energia é, portanto, um dos eixos estratégicos nas políticas e programas de combate às alterações climáticas e à proteção do ambiente, num contexto de transição para uma economia circular na qual se pretende que os cidadãos tenham uma participação ativa e determinante.

A capacitação dos cidadãos para um consumo de energia mais eficiente e sustentável têm estado no centro de iniciativas que procuram dar informação e conhecimento, mas também motivar para uma alteração efetiva e duradoura de comportamentos dos consumidores e dos seus agregados no que toca ao consumo de energia.

O projeto ECO2 – Energy Conscious Consumers tem contribuído para esta mudança junto dos cidadãos europeus, disponibilizando informação e conhecimentos sobre eficiência energética ao nível residencial, com a plataforma de aprendizagem online ACT4ECO. Nesta fase final, os parceiros do projeto, entre os quais a DECO, propõem-se a sistematizar aprendizagens e elaborar recomendações para decisores políticos e agentes de mercado, que serão apresentadas a nível europeu.

Esta Mesa Redonda tem como objetivo discutir e recolher contributos em torno das seguintes questões:

  As políticas e medidas de promoção da eficiência energética levadas a cabo em Portugal são eficazes na promoção de mudanças de comportamentos e atitudes por parte dos consumidores? Quais os desafios e dificuldades encontradas?

  Como aumentar o impacto destas políticas e medidas de promoção da eficiência energética que focam os comportamentos e escolhas dos consumidores? Que intervenções podem ser feitas a nível nacional e europeu?

 

Dentro destes temas, algumas questões práticas que foram sendo levantadas ao longo do projeto e que se colocam à discussão são:

  Que abordagens e estratégias de comunicação adotar para garantir que, além da informação e dos conhecimentos, os consumidores estão motivados para mudar e comprometidos com a sustentabilidade (cidadania ativa)?

  Como ajudar os consumidores a sustentar as mudanças conseguidas e a manter um olhar crítico sobre as suas escolhas e comportamentos, evitando-se o efeito ricochete ou rebound?

  Muitos consumidores identificam obstáculos que os fazem desistir ou reduzem a sua motivação para serem energeticamente mais eficientes. Será relevante introduzir mudanças e quais são elas ao nível da construção de casas e equipamentos, no planeamento de apoios ou campanhas, entre outros aspetos, que tornem as mudanças necessárias mais fáceis de introduzir no quotidiano dos consumidores?

  A eficiência energética é uma preocupação partilhada e deve ser resultado das mudanças das sociedades. De que forma as políticas e medidas de promoção da eficiência energética devem pensar nos consumidores e cidadãos numa dimensão social ou coletiva, ou seja, ao nível associações, bairros, grupos informais, etc.?

 

Nesta Mesa Redonda esperamos poder contar com os contributos e reflexões de vários especialistas em energia, eficiência energética, informação e comunicação em energia, educação e literacia dos consumidores.

As conclusões integração as recomendações finais a realizar no âmbito do projeto e irão reforçar propostas que permitirão ultrapassar obstáculos encontrados pelos consumidores comprometidos com a eficiência energética.

 

PROGRAMA

 

Data

14/06/2021
Expired!

Hora

16:00 - 18:00

Local

Digital
Tipo de evento

Organizer

DECO - Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor
Email
deco@deco.pt
QR Code